Mercado Profissional

image_pdfimage_print

Desde 2000, Pernambuco tem se destacado em âmbito nacional na área de tecnologia, visto o investimento de empresas como Microsoft, Oracle, Nokia e HP no desenvolvimento de projetos (games e web móvel) realizados pelo Centro de Estudos e Sistemas Avançados do Recife (CESAR).

Os jogos nacionais estão conquistando o mercado e, segundo estimativas, a produção brasileira cresceu 5% faturando em torno de R$300 milhões em 2005. As desenvolvedoras brasileiras faturam aproximadamente R$ 18 milhões e se incluir outros tópicos como distribuição, embalagem, marketing e publicidade, a estimativa gira em torno de R$ 100 milhões. “Faltam profissionais capacitados para trabalhar com games em Pernambuco” (JC, 13 de agosto 2008).

Graças às incubadoras de empresas ligadas às universidades federais em Pernambuco e Paraíba, tem crescido a demanda por desenvolvedores de games no Nordeste. As empresas pernambucanas têm se destacado em eficiência. Segundo estudo da Abragames, apesar de só abrigar apenas 9% das empresas do setor em 2005, Pernambuco conquistou 16% do faturamento da indústria naquele ano, exportando games para países da Europa e Ásia.

Para termos ideia de como esse aplicativo tem sido utilizado, incisivamente, como ferramenta de apoio em campanhas publicitárias e de comunicação de produtos ou marcas, temos exemplos como o jogo intitulado Cartas Escondidas que promoveu o segundo filme da série Batman (2008) e dos novos modelos de celulares N95 e o modelo 6120, uma parceria entre a Warner (produtora de filmes), Nokia (empresa de telefonia) e a Operadora Claro. Outra ação foi o game, T-Race, usado em uma das provas da oitava edição do BigBrother Brasil (2009) para o lançamento do novo Punto da montadora Fiat.

A proposta do Curso Superior Tecnológico em Jogos Digitais da Católica é desenvolver profissionais multimídia, com entendimento em comunicação e games, fomentando e criando novas possibilidades de interação entre consumidor e marca em nosso Estado e país, bem como construindo profissionais habilitados com essa nova era e plataforma digital.

 

Deixe uma resposta