Uma Discussão Filosófica a Respeito da Consciência

Arthur Leandro da Silva Marinho

Resumo


Neste artigo buscamos compreender a fundamentação e a problemática da Consciência na Filosofia da mente. Nosso objetivo é apresentar o desenvolvimento do debate da consciência desde a modernidade até o século XX. Para isso, no primeiro momento partimos da discussão acerca da definição da natureza da consciência. Em seguida, foi apresentada a concepção de alguns filósofos da modernidade a respeito da consciência. Levamos em consideração a concepção de Descartes e continuamos com Locke, Leibniz, Hume e Kant. No terceiro momento, apresentamos, de modo geral, as novas discussões que o problema da consciência incorpora por meio do debate da relação mente-cérebro, como também, o surgimento da intencionalidade e a relação com a consciência. Por fim, acreditamos estabelecer um panorama geral sobre a consciência na Filosofia da mente e sobre os novos desafios a quem se propõe a pensar filosoficamente o tema da consciência na atualidade.

 


Palavras-chave


Filosofia da Mente. Consciência. Intencionalidade. Mente-cérebro.

Texto completo:

PDF/A

Referências


BRENTANO, Franz. Psychologie vom empirischen Standpunkt. Leipzig: Felix Meiner, 1924.

COSTA, Claudio. Filosofia da mente. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2005.

COTTINGHAM, John. Descartes. São Paulo: Fundação Editora da UNESP (FEU), edição digital, 1999.

DESCARTES. René. Discurso do método. Trad. Maria Ermantina Galvão. São Paulo: Martins Fontes, 1996.

GULICK, Robert Van Gulick. Consciência. Trad. Marco Aurélio Alves e Marcelo Fischborn. Revisor: André Abath. Investigação Φ Filosófica: vol. E2, artigo digital 2, 2012.

HUME, David. Tratado da natureza humana: uma tentativa de introduzir o método experimental de raciocínio nos assuntos morais. São Paulo: UNESP, 2009.

HUSSERL, Edmund. Ideias para uma fenomenologia pura e para uma filosofia fenomenológica: introdução geral à fenomenologia pura. São Paulo: Ideias & Letras, 2006.

KANT, Immanuel. Crítica da razão pura. Trad. Fernando Costa Mattos. Rio de Janeiro: vozes; São Paulo: Editora Universitária São Francisco, 2015.

LEIBNIZ. Monadologia. Cultrix: São Paulo, 1974.

LOCKE, John. Ensaio sobre o entendimento humano. Martins Fontes: São Paulo, 2001.

PRATA, T. A. A concepção sartriana da consciência na perspectiva de três teorias contemporâneas. PROMETEUS. FILOSOFIA EM REVISTA, Sergipe, v. 28, 2018, p. 203-222.

ROSENTHAL, D. Two Concepto of Consciouness. In: Philosophical Studies, n. 49, 1986, p. 329-359.

SARTRE, Jean-Paul. O ser e o nada: Ensaio de ontologia fenomenológica. Rio de Janeiro: Vozes, 2011.

TEIXEIRA, João de Fernandes. O que é filosofia da mente. Porto Alegre: Editora Fi, 2016.




DOI: https://doi.org/10.25247/P1982-999X.2020.v20n1.p27-60

Apontamentos





Direitos autorais 2020 Revista Ágora Filosófica

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Ágora Filosófica
Universidade Católica de Pernambuco
Coordenação do Curso de Filosofia
Rua do Príncipe, 526, Boa Vista, bloco B, 1º andar.
CEP. 5050-900
Recife, Pernambuco, Brasil | Fone: (81) 2119-4171
ISSN: 1982-999x | E-mail: agorafilosofica@unicap.br


INDEXAÇÃO

Bases de Dados/Diretórios

  

Índice


Filiação/Suporte Técnico/Identificador

  

Portal

Plataforma