Curso de Jornalismo da Católica participa do Intercom Nordeste

Parte do grupo que participou do Intercom Nordeste. Foto: Marcela Dubourcq

O curso de Jornalismo da Católica levou um time de peso para o Intercom Nordeste, congresso regional de comunicação que aconteceu em Fortaleza, entre os dias 29 de junho e 1º de julho. Além dos trabalhos selecionados para a Mostra Competitiva Expocom, dez no total, foram apresentados artigos produzidos pelos estudantes no Programa de Iniciação Científica da Católica (Pibic) e nas disciplinas Cultura Digital, Pesquisa em Comunicação e Planejamento Gráfico e Editorial. O evento é uma iniciativa da Intercom Nacional.

Sobre os trabalhos levados ao congresso, a coordenadora do curso, Carla Teixeira, destaca: “Cada vez mais se percebe a consolidação de uma prática de reflexão sobre o fazer jornalístico. Os docentes incentivam isso em sala de aula e, como resultado, os alunos produzem trabalhos interessantes, renovando o olhar sobre a comunicação e sua relação com o mundo. Foram temas diversos, que envolvem os memes, o design editorial, seriados de televisão, a questão do gênero na produção cinematográfica, entre outros”.

Os estudantes falaram sobre a oportunidade de participar do evento. “Foi importante, tanto profissionalmente quanto para o nosso crescimento acadêmico. Além disso, a chance de debater sobre comunicação com estudantes e pesquisadores de outros estados foi extremamente rica, assim como a representatividade da Católica nesse espaço”, afirma Vinícius Barros, estudante do 6º período. Em conjunto com os alunos Vitor do Nascimento e Manuela Cavalcanti, ele apresentou no Intercom Jr o artigo “Memes nas Olimpíadas Rio 2016: o caso #DesculpaNeymar”, orientado pelo professor Juliano Domingues.

Já a estudante Sharon Baptista, do 5º período, participou da Mostra Competitiva Expocom com o documentário (RE)Cidade – Ocupar e Resistir, feito em conjunto com Ãngela Valporto, sob a orientação do professor Lula Pinto, na disciplina de Jornalismo e Direitos Humanos. “É gratificante saber que o documentário ultrapassou as fronteiras da Unicap e as histórias relatadas, na produção do vídeo, foram conhecidas por outros estudantes. Foi minha primeira experiência no congresso e isso, para mim, é uma oportunidade única”, festejou Sharon.

“Ter um projeto reconhecido academicamente foi algo importante para o grupo, pois trabalhamos bastante para produzir a análise do design editorial da revista Another Man. É uma experiência que vamos levar para sempre na nossa vida acadêmica”, comentaram as estudantes Isadora Crespo, Larissa Vasconcelos e Luiza Fruet, autoras do trabalho, orientado pela professora Carla Teixeira.

O grupo formado Bruna Gomes, Crystal Ribeiro, Maria Júlia Vieira e Victória Louise destacou que o artigo “Desigualdade de Gênero no Mercado de Mídia: as mulheres na realização de longas-metragens pernambucanos entre 1997 e 2016” veio da vontade de produzir uma pesquisa integrando as mulheres ao campo cultural. Segundo elas, o recorte de gênero surgiu na produção de uma matéria realizada em outra disciplina, na qual observaram o número reduzido de mulheres na área técnica da indústria cinematográfica. “O artigo tratou especificamente das funções de produção, roteiro e direção”, explicam. Sobre a experiência de terem participado pela primeira vez do congresso, afirmam: “Deu muito orgulho apresentar o trabalho no Intercom Jr. A produção da pesquisa demandou um tempo muito grande e, durante todo o percurso, contamos com o incentivo do nosso orientador, o professor Juliano”.

“A qualidade e o volume dos trabalhos refletem o empenho dos estudantes e docentes em fomentar o estímulo à pesquisa, motivados, principalmente, pela criação do nosso Mestrado em Indústrias Criativas”, analisou o professor Juliano Domingues, coordenador do Mestrado. Já a professora Andrea Trigueiro, que orientou dois projetos de rádio aprovados para a Expocom, observou: “É importante dizer que o rádio é um veículo que, cada vez mais, vem sendo utilizado como ferramenta educativa. O ‘Na trilha da voz’, programa para cegos, e o ‘Rádio na real’, experiência com crianças, demonstra o tanto que há de eficácia na utilização das práticas deste veículo para alcançar outros públicos”.

Veterana no Intercom Nordeste, Rayane Marinho, do 7º período do curso, comemorou a inclusão da revista customizada “Deixa Ela Tatuar”, produzida na disciplina Comunicação Visual 1. “Foi a quinta vez que eu fui ao Intercom. Em 2014 fui para conhecer, em 2015 para as oficinas e, só em 2016, mandei artigo e ele foi aprovado na edição realizada em Caruaru. Neste mesmo ano fui para o Nacional e, em 2017, participei da Expocom. “A experiência de levar para outras pessoas as histórias dessas mulheres tatuadoras foi maravilhosa, me empolguei ao contar sobre o processo de criação e as ideias que foram surgindo no desenvolvimento do trabalho”.

Mas não foram apenas os estudantes que participaram do Intercom Nordeste. Diversos professores estiveram presentes, incluindo tanto os orientadores dos projetos aprovados no Intercom Jr e Expocom, quanto os que participaram com trabalhos nas Divisões Temáticas (DT’s). Entre eles, o coordenador do Mestrado em Indústrias Criativas, Juliano Domingues e a pró-reitora acadêmica, Aline Grego. Junto com a professora Andrea Trigueiro, Aline apresentou a pesquisa “A Formação em comunicação e o perfil profissional na Região Nordeste do Brasil: possíveis horizontes” no DT Interfaces Comunicacionais.

Categories: Eventos, Jornalismo, Notícias

TopoFacebookJornalismo (1)

Produção, converg

Dias 14 e 15 de agosto, o curso de Jornalismo ...

Parte do grupo que participou do Intercom Nordeste. Foto: Marcela Dubourcq

Curso de Jornalismo

[caption id="attachment_1819" align="alignnone" width="800"] Parte do grupo que participou do ...

Captura de Tela 2016-11-07 às 08.42.07

Católica promove o

Nos dias 7 e 8 de Novembro o Centro de ...

Encontro Futura

Católica vai sediar

Por Roberta Sales A Universidade Católica de Pernambuco sedia no dia ...

Cristina Tavares 22

Unicap na final do P

O curso de Jornalismo da Universidade Católica de Pernambuco está ...