Direitos humanos e mediação de conflitos é tema de seminário promovido pelo Gajop e Instituto Humanitas

Direitos humanos e mediação de conflitos foram dois dos principais temas abordados no seminário realizado pelo Gajop (Gabinete de Assessoria Jurídica às Organizações Populares) em parceria com o Instituto Humanitas Unicap.  A abertura do evento contou com as boas-vindas do Pró-reitor Comunitário da Unicap, Padre Lúcio Flávio Ribeiro Cirne, que afirmou estar feliz com a realização do evento na Católica. “O acesso à Justiça está na base de todos os outros direitos”, enfatizou.

O primeiro debate do dia contou com a mediação do coordenador executivo do Gajop, Rodrigo Deodato. Quem também fez parte da mesa principal foi a professora Ligia Paula Pires Pinto Sica (FGV-SP), o professor Pedro Strozenberg (ISER – RJ) e a Professora Valdênia Brito Monteiro (Gajop/Unicap).

A pesquisa apresentada pela professora Valdênia Brito abordou temas relacionados às perspectivas de jovens estudantes de Direito. Com o tema “Percepção sobre o acesso à Justiça, mediação de conflitos e direitos humanos” , a pesquisa revelou dados que geraram surpresa na plateia, que lotou o auditório do Centro de Teologia e Ciências Humanas, no primeiro andar do bloco B. Uma informação em especial chamou a atenção de todos que ali estavam presentes. Perguntados quanto ao conhecimento de trabalhos voltados para o acesso à Justiça, nenhum estudante lembrou de citar a Defensoria Pública.

Questionando aspectos metodológicos e de aplicação da pesquisa, os professores Ligia Paula Pires Pinto Sica (FGV – SP) e Pedro Strozenberg (ISER – RJ) seguiram com um interessante debate.

Print Friendly, PDF & Email
agosto 29th, 2013 Postado por : vieira Arquivado em: Eventos, Notícias, Projetos, Publicações

Seja o primeiro a comentar Deixe uma resposta: