Descontração marca a posse do Padre Lúcio à frente da Pró-reitoria Comunitária

Por Daniel França no Boletim Unicap

Solenidade só mesmo no nome, porque a posse do novo Pró-reitor Comunitário da Universidade Católica de Pernambuco, Padre Lúcio Flávio Cirne, foi marcada pela descontração. O encontro, realizado no fim da tarde desta quinta-feira (11) no salão receptivo do bloco R, reuniu integrantes da comunidade jesuíta, amigos, professores e funcionários da Unicap. A reunião, que marcou também a despedida do Padre Miguel Martins (ele assume a Província dos Jesuítas do Nordeste), foi aberta pelo Reitor, Padre Pedro Rubens. “Hoje não há clima de despedida, é apenas uma mudança de endereço”, disse o Reitor. Padre Pedro agradeceu o tempo em que o Padre Miguel passou na Unicap. “Ele trouxe biografia, um jeito de ser, uma competência. Cada um que passa pela Procom, deixa um pouco de si”.

O novo Provincial recebeu da comunidade acadêmica uma medalha de benemérito, a maior condecoração da Universidade. No desenho, a marca dos 60 anos da Católica e uma mensagem de agradecimento. Logo em seguida, o Padre Lúcio recebeu as boas-vindas do Reitor. Ele falou dos desafios trazidos pelas novas funções. “A função revela coisas que nós não imaginamos fazer. Que ela  não comprometa a sua felicidade, nem seu jeito bonito de ser”.

Durante o seu agradecimento, Padre Lúcio relembrou momentos de quando chegou para trabalhar na Unicap, em 1999. Ele contou que ocupou o quarto de um ‘inquilino’ que havia acabado de ser ordenado padre e ido para Fortaleza.  Segundo Padre Lúcio, havia muitos livros no local e, durante a arrumação, ele se deparou com “Grande Sertão Veredas”, de Graciliano Ramos. Ele usou uma frase do escritor alagoano para expressar o momento pelo qual está passando. “Aos poucos é que o escuro se faz claro”. Padre Lúcio traçou um paralelo com a importância da Missão Jesuíta e, somente no final, revelou que o “inquilino” era o Padre Pedro, levando a plateia aos risos. Sobre o novo desafio, Padre Lúcio disse estar muito feliz. Ele agradeceu a confiança do Padre Pedro e o apoio dos colegas, entre eles os integrantes da comunidade jesuíta. “A Unicap é uma multiplicidade e a possibilidade de ser reinventada sempre”.

Homenagem – Ao final do discurso de Padre Lúcio, a Pró-reitora Acadêmica, Aline Grego, e o Pró-reitor Administrativ, Luciano Pinheiro, prestaram uma divertida homenagem ao Padre Miguel. Ele recebeu um kit com objetos que simbolizam a cultura pernambucana. Entre outros objetos,  não poderia faltar a sombrinha do frevo, miniatura do caboclo de lança, um DVD do Maestro Spok, bolo de rolo, rapadura, ‘nego’ bom e um lápis com uma galinha na ponta que representa a famosa praia do Litoral Sul. “A Bahia tem o maior litoral do Brasil, praias belíssimas, mas Porto de Galinhas é a melhor”, brincou Aline. “Espero que você leve o nosso abraço, nossa alegria”, disse Luciano.

O encontro de hoje também marcou a recondução de diretores de centro e coordenadores de cursos. A novidade veio da graduação em Ciências Econômicas. O professor José Alexandre assume a coordenação do curso, antes comandado pela professora Mabel Carmona. A reunião terminou da forma como começou: descontraída. Padre Miguel atuou como cantor e entoou o refrão do Hino de Pernambuco, emendando com a música Eterno Aprendiz, de Gonzaguinha.

Print Friendly, PDF & Email
fevereiro 11th, 2011 Postado por : admin Arquivado em: Eventos

Seja o primeiro a comentar Deixe uma resposta:

Seu e-mail não será publicado.Campos obrigatórios*