Inscrições para curso de extensão de fotografia abertas

As inscrições para o curso de extensão com tema “Tecnologia audiovisual e seus usos em ambientes de ensino e aprendizagem”, ministrado pela professora Mariana Porto, estão abertas até o dia 15 de julho.

Jogos audiovisuais na sala de aula – usos do cinema para trabalhos em grupos.

 Você já pensou em usar o vídeo em um grupo ou sala de aula, mas não conhece bem as etapas e os elementos da linguagem cinematográfica para produzir um filme?

Trabalharemos algumas etapas do fazer audiovisual através de jogos, ampliando a possibilidade de usar estas ferramentas como instrumento de escrita (de si mesmo e do seu território) e importante mobilizador de habilidades comunicacionais e afetivas em meio ao aprendizado de conhecimentos tecnológicos.

Sobre a oficineira:

Diretora e roteirista, Mariana Porto atua há 12 anos no ensino de cinema em universidades e oficinas para públicos diversos, e pesquisa no doutorado a transformação de conceitos e procedimentos cinematográficos em jogos reflexivos e dialógicos, ampliando a possibilidade de usar estas ferramentas como instrumento de escrita (de si mesmo e do seu território) e importante mobilizador de habilidades comunicacionais e afetivas em meio ao aprendizado de conhecimentos tecnológicos.

Proposta geral:

Jogos audiovisuais na sala de aula – usos do cinema para trabalhos em grupos.

Você já pensou em usar o vídeo em uma sala de aula ou outro tipo de ambiente de trabalho em grupo, mas não conhece bem as etapas e os elementos da linguagem cinematográfica para produzir um filme? Atualmente as imagens  em movimento são usadas abundantemente, mas sem muita exploração de uma outra aquisição de habilidades, igualmente preciosas: o fazer audiovisual, é processual e é coletivo,  e ao experimentar a criação neste campo tende a gerar uma perspectiva intensa e diferenciada sobre as pessoas e os mundos que as rodeiam, abrindo uma nova possibilidade de expressão criativa e de desenvolvimento de habilidades emocionais muito necessárias num mundo imerso em tecnologia, mas profundamente solitário.  Como pode o fazer cinema contribuir e pôr em movimento forças já presentes num grupo ou comunidade?

A proposta do curso é conhecer os conceitos básicos e operacionais do cinema – o roteiro, o desenvolvimento de personagens, a composição estética, os usos do som, da montagem – a partir de modos empíricos de aquisição destas noções.  Em meio a uma incursão por alguns exercícios criativos, pensamos o cinema como mobilizador do desenvolvimento de habilidades sócio-afetivas e como aquisição de um meio de expressão potente e atual.

 

 

 

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *