Unicap-Icam atua na fabricação de suporte de máscaras de proteção para profissionais de saúde que atuam no combate ao coronavírus

A Unicap-Icam International School está atuando diretamente no combate à proliferação do novo coronavírus. A instituição, por meio do Laboratório Maker, está disponibilizando três impressoras em 3D para a fabricação de suporte de máscaras de proteção que fazem parte do Equipamento de Proteção Individual (EPI) dos profissionais de saúde que estão atuando na linha de frente com pacientes infectados com a Covid-19. Todo o trabalho está sendo realizado de forma voluntária por professores e técnicos da Católica, como o laboratorista Hermano Ramos.

De acordo com o professor do curso de Jogos Digitais Anthony Lins, a ideia da iniciativa partiu do grupo de WhatsApp Hardware Pernambuco, além de outras manifestações como pedidos da sociedade civil à Unicap-Icam. “O grupo é formado por professores, organizações e interessados em tecnologia. Lá, foi levantada a possibilidade da produção desses equipamentos a partir de outras experiências que estão sendo desenvolvidas com impressoras 3D. Nossa intenção é ajudar na proteção desses profissionais de saúde e evitar, por exemplo, o contato de espirros com secreções de pacientes no rosto”.

As máscaras produzidas pelas impressoras 3D são inspiradas nas já utilizadas por profissionais da construção civil, como os soldadores, que protegem todo o rosto do profissional. O professor explica que, diferentemente da máscara comum – descartável e vendida em farmácias e que protegem apenas o nariz e a boca do usuário – a desenvolvida pelo laboratório é mais eficaz pela possibilidade de proteção de todo o rosto.

A ideia da Unicap-Icam é distribuir essas máscaras aos hospitais e demais unidades de saúde que estão tratando diretamente de pacientes infectados com o coronavírus. “Estamos usando o material da Unicap, os insumos que são utilizados nas aulas práticas. Caso haja uma necessidade maior de produção, podemos receber esses insumos e produzir gratuitamente isso quando solicitados por essas unidades de saúde”.

Compartilhamento de ideias – O modelo de suporte utilizado pelas máscaras foi compartilhado pela empresa Senfio, de forma gratuita. O compartilhamento de ideias também está presente em esfera internacional. O laboratório da Unicap-Icam está se comunicando com a unidade francesa do Icam no compartilhamento de ferramentas no combate à proliferação do novo coronavírus.

Foi criado um grupo de trabalho entre os representantes dos laboratórios do Icam para fazer o balanço das atividades voluntárias que estão sendo realizadas no Brasil e na França. O consultor dos laboratórios franceses do Icam, que recentemente deu uma consultoria à Unicap-Icam, Rémy Ducros, criou um site para que essas ideias de projetos sejam compartilhadas e utilizadas, gratuitamente, pelas unidades da escola internacional e demais parceiros.

“Todos devem agir localmente, identificando as necessidades em sua cidade e propondo as soluções adaptadas rapidamente. Juntos, validamos ideias e cada uma age de acordo com as necessidades de sua cidade”, diz Rémy, informado que um modelo similar do suporte de máscara produzido pela Unicap-Icam está sendo produzido nas unidades de Paris e Lille do Icam.

Em Nantes, a unidade do Icam já foi mobilizada para participar de um grupo de trabalho para fabricar respiradores, uma das maiores necessidades das unidades de saúde com a propagação do coronavírus. “Se um modelo for validado e houver necessidade, produziremos”, disse Rémy.

Sobre a instituição – A Unicap-Icam International School, com sede no Recife, é formada a partir da parceria entre a Católica e o tradicional Institut Catholique d’Arts et Métiers (Icam), da França. O Icam possui cinco unidades na França nos campis de Lille, Paris, Nantes, Bretagne, Vendée e Toulouse. Além da parceria com a Unicap, no Brasil, a instituição possui três campis no continente africano: Douala, em Camarões, Kinshasa, na República Democrática do Congo, e Pointe-Noire, no Congo. Na Ásia, a instituição está presente em Chennai, na Índia.

print
Compartilhe:

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.