Silvério Pessoa defende sua tese de doutorado na Unicap

O músico, compositor e pedagogo Sílvério Pessoa defendeu sua tese de doutorado em Ciências da Religião na Unicap. A pesquisa teve como tema “Do altar ao palco: os shows em movimento do Padre Fábio de Melo”, que descreve um histórico da música religiosa contemporânea, culminando com análises a partir da produção artística realizada pelo Padre Fábio de Melo, com ênfase em shows enquanto ressignificações de novas práticas no campo católico.

“Essa tese tem como objetivo principal uma reflexão mais ampla sobre o campo católico na contemporaneidade através de uma produção artística. No caso, essa produção artística da música religiosa através do Padre Fábio de Melo. A tese seria a partir dele, explicar como estão as novas práticas religiosas fora do altar, por isso que o tema é do altar para o palco, e como as denominações religiosas estão aderindo o campo da indústria cultural nesse mundo contemporâneo”, explica.

Para desenvolver a tese, Silvério se dedicou ao tema durante 5 anos, indo a 14 shows do Padre Fábio em todo o Brasil, fazendo diversas pesquisas e estudos teóricos, viajando também a Roma, na Itália. Para estudar esse fenômeno midiático dos sacerdotes, o doutorando se utilizou de entrevistas, pesquisas documentais e da observação participante, uma técnica de investigação social em que o observador partilha, na medida em que as circunstâncias o permitam, as atividades, as ocasiões, os interesses e os afetos de um grupo de pessoas ou de uma comunidade (Anguera, Metodologia de la observación en las Ciencias Humanas, 1985).

Através do estudo desses “artistas da fé” ou também chamados de “padres cantores”, Silvério pôde ver esses artistas além do sacerdote e analisar o diálogo entre o altar e o palco, título de sua tese. Também questionou o significado da música religiosa e citou a carta do Papa João Paulo II aos artistas, de 1999. O trabalho foi orientado pelo professor Drance Elias da Silva e co-orientado pelo professor Péricles Moraes de Andrade Júnior. Silvério Pessoa teve sua tese aprovada e deixou claro em todo o momento a sua gratidão pela experiência e pela conquista.

 

“Eu estou muito feliz, eu acho que não um encerramento, mas um início de novas reflexões para novas pessoas darem continuidade a esse campo de pesquisa. Eu estou satisfeito com o resultado final, estou super feliz, hoje é realmente uma grande confraternização. Estamos recebendo uma mulher maravilhosa na área do catolicismo midiática, que é a Dra. Brenda Carranza, da PUC-Campinas. Além dos amigos e professores do programa. Na realidade, é uma manhã de confraternização”, completa.

print
Compartilhe:

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.