Professores e alunos de Arquitetura e Urbanismo desenvolvem projetos para o povo Xukuru de Pesqueira – PE

Trazer os desafios impostos pela realidade para dentro da sala de aula. Esta em sido a metodologia da disciplina de Ateliê de Projetos IV do curso de Arquitetura e Urbanismo da Católica. A cada semestre, um cliente em potencial coloca suas demandas e necessidades a serviço da criatividade dos alunos do 4º período. Essa articulação entre a comunidade e os estudantes é feita pelos professores Andrea Storch, Lula Marcondes, Diego Inglês de Souza e Nilson Pereira.

No semestre passado, os alunos foram apresentados pelo professor Lula ao povo Xukuru de Pesqueira, no Interior de Pernambuco. A etnia tem se destacado na luta e nas discussões das questões indígenas da região. Anualmente, eles promovem uma assembleia política na aldeia Pedra D’água que reúne povos indígenas de todo o Brasil e até de outros países. “Já vieram índios do estado da Dakota do Norte (EUA)”, disse o professor Lula.

 

Este ano a assembleia tem uma expectativa de reunir oito mil pessoas em três dias de evento. A assembleia prevista para o mês de maio vai marcar os 20 anos da morte do cacique Chicão. Um pavilhão chegou a ser projetado pelos arquitetos Pedro Paes e Daniel Guima e construído pelos Xucurus. Mas a estrutura precisava ser ampliada. E é aí que entra a participação dos alunos da Unicap. Eles projetaram anexos ao pavilhão com vários ambientes: cozinha, apoio, alojamentos, banheiros, refeitório e plenárias.

Foram mais de 40 projetos elaborados. Desse total, quatro alunos (Priscyla Durão Leite Caldas, Maria Eduarda Souza Raimundo, Manuella Nínive Cavalcanti Fernandes Barreto e David Maciel Leite) foram apresentá-los e defendê-los para 24 líderes das aldeias durante as férias. “Foi um processo altamente maduro e profissional, não só pela apresentação mas pela defesa dos projetos. A comunidade deu um feedback e a partir daí os projetos escolhidos passaram por ajustes”, explicou o Lula Marcondes.

Além dos projetos da disciplina de Ateliê de Projetos IV, as demandas do povo Xukuru também foram escolhidas como tema para o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) de Wanny Melo Alves Guimarães. Ela apresentou uma ideia inicial que passou pelo crivo das lideranças. O esboço foi aprovado e ela vai amadurecer o projeto. “Vou procurar criar algo com o que eles se identifiquem e se sentam bem”, disse ela ressaltando a satisfação com a experiência. “O trabalho com arquitetura indígena dos povos de Pernambuco está sendo grande descoberta. Um dos objetivos do meu projeto é divulgar para que as pessoas tomem conhecimento e se apropriem da causa deles”.

“Já vimos trabalhando há algum tempo no engajamento nas questões reais da profissão. Fico realizado como professor porque estamos conseguindo contribuir com a formação deles de uma forma crítica. Vale salientar também que iniciativas como esta fazem parte dos objetivos e missão da Unicap”, ressaltou o professor Diego.

Os projetos elaborados pelos alunos contaram com maquetes e banners. Os trabalhos levaram em consideração a identidade dos Xucurus. Os estudantes da Unicap falaram sobre o contato e o respeito à cultura indígena.

“Uma das coisas mais interessantes foi ter contato real direto com o cliente e aliar o nosso conhecimento de 4º período com a realidade” – Priscyla Durão Leite Caldas

 

 

 

“O desafio técnico era integrar o pavilhão e a todas as estruturas já existentes” – Maria Eduarda Souza Raimundo

 

 

 

 

“O contato com a cultura indígena foi fascinante, tentamos interpretar a cultura deles” – Manuella Nínive Cavalcanti Fernandes Barreto

 

 

 

 

 

“Conhecemos o sítio e o pavilhão numa visita de imersão para identificar o que eles precisavam” – David Maciel Leite

 

 

 

 

print
Compartilhe:

Deixe um comentário