Fórum de Pró-reitores de Pesquisa e Pós-graduação (FOPROP) do Nordeste realiza encontro anual para debater perspectivas da pós-graduação brasileira

Nesta quinta-feira (29), o FOPROP Nordeste discutiu os desafios e perspectivas da pesquisa e pós-graduação brasileira, mais especificamente para o Nordeste do Brasil. O encontro foi promovido pelo Diretório Nacional do FOPROP e organizado pela Universidade Federal do Oeste da Bahia. A cerimônia de abertura contou com a presença do Prof. Dr. Carlos Henrique de Carvalho, presidente do FOPROP, e do Prof. Dr. Robério Rodrigues Silva, coordenador da regional Nordeste. O Reitor da Universidade Católica de Pernambuco, o Prof. Dr. Pe. Pedro Rubens Ferreira Oliveira, esteve presente como convidado de honra.

A conferência de abertura foi proferida pelo Presidente da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), o Prof. Dr. Benedito Guimarães Neto cujo tema foi “O sistema de pós-graduação no Brasil: perspectivas de fomento e novo modelo de avaliação”. Após sua palestra, os pró-reitores realizaram vários questionamentos sobre a avaliação quadrienal, o Programa Institucional PRINT, o corte de bolsas e o apoio às pós-graduações do Nordeste. A comissão organizadora também trouxe questões levantadas na plataforma do YouTube sobre a prorrogação das bolsas em tempos de pandemia e o modelo de redistribuição de recursos PROAP.

O Diretor de Avaliação (DAV) da Capes, Prof. Dr. Flávio Anastácio, apresentou o modelo de avaliação quadrienal 2017 – 2020, durante o período da tarde. A abordagem foi voltada para a adoção do modelo multidimensional e a reestruturação da plataforma Sucupira para preenchimento dos dados dos programas de pós-graduação. Da mesma forma, foram levadas questões e dúvidas que ainda permanecem em relação a utilização do modelo e do novo Qualis periódicos e livros.

O encerramento das atividades foi coordenada pela Pró-Reitora de Pesquisa e Pós-graduação da UNICAP, Profa. Dra. Valdenice Raimundo, e contou com a palestra do jornalista Herton Escobar, repórter do Jornal da Universidade de São Paulo (USP), cujo título foi “A importância da comunicação científica para a pós-graduação”.

A programação segue nesta sexta-feira (30) com a palestra do Prof. Dr. Fábio Guedes Gomes, Secretário de Educação do Estado de Alagoas, que vai abordar o papel das FAPs no fomento da pesquisa e pós-graduação na região Nordeste. Na sequência, o presidente do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Prof. Dr. Evaldo Ferreira Vilela, fala sobre o papel do CNPq para a Ciência Brasileira. Durante o período da tarde, o FOPROP da regional Nordeste irá realizar sua reunião geral.

print

Compartilhe:

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.