Curso de Publicidade e Propaganda abre alas para folia na Unicap

“Ei, pessoal, vem moçada…”
“Ôh abre alas que eu quero passar…”
“Um bloco a mais é o sonho que se faz…”
“Chega de saudade, quero sentir seu perfume…”

Do frevo ao sertanejo. Personagens fictícios às figuras reais. Muita animação marcou a segunda edição do “Segue Alteração”, bloco carnavalesco do curso de Publicidade e Propaganda da Universidade Católica de Pernambuco.

O hall do bloco “A” foi o palco da folia dos alunos e professores. “A gente aproveita para poder confraternizar. É um boas-vindas para todo o curso”, contou animada a coordenadora, Thelma Guerra. Fantasiada de portuguesa, ela explicou o porquê do nome do bloco: “O Segue Alteração é um termo muito utilizado em agência, em situações onde o cliente pede alteração para um trabalho. É bem utilizado, mas todo mundo detesta”, brinca. “Então, fizemos essa piadinha’’.

A ideia do bloco não é só animação, mas também colaboração dos maiores aos mínimos detalhes. Os alunos tomaram toda a iniciativa da divulgação e organização. Até a escolha da playlist teve a contribuição de cada folião. “A gente colocou frevo, funk, axé, músicas internacionais, pop, pagode, sertanejo. A gente deixou colaborativo”, enfatizou Rafaela de Melo Silva, aluna do 5º período. “Então, todo mundo pôde colocar a música que queria. Tocou tudo que o povo gosta”.

Todo mundo também pôde colocar a fantasia que quis. Daniel Santos, do 3º período, caiu na brincadeira e homenageou o pintor favorito. “Decidi fazer uma homenagem a Van Gogh, pintor holandês”. Assim como o Daniel, Isis Nira decidiu fazer uma homenagem. No entanto, inusitada. A aluna do 3º período se transformou nos ‘15 anos do curso de Publicidade e Propaganda da Unicap’. “Quando eu entrei no curso, não me identificava muito. Mas no decorrer dos períodos eu acabei adorando, aí resolvi homenagear”. Engana-se quem pensa que a criatividade deu trabalho. “É uma fantasia fácil. Eu tinha um bolo aí resolvi juntar o útil com o agradável”.

Sucesso pernambucano em todo o Brasil, a Mc Loma também foi representada. Rafael Torres homenageou a jovem cantora e adorou pular o carnaval na Católica. “É um ambiente legal de confraternização entre professores e alunos, bastante divertido. Já Gabriel Ribas decidiu participar da folia de última hora. “Tinha uma máscara, aí vim
do personagem do jogo ‘Hotline Miami’, um assassino que usa máscaras justamente para não ser identificado”.

O “Segue Alteração” realizou ainda o concurso de melhor fantasia nas categorias personalidades, Netflix, super-heróis e memes. Cada vencedor ganhou um kit-carnaval para aproveitar os quatro dias da folia de Momo.

 

print

Compartilhe:

Deixe um comentário