Curso de Arquitetura e Urbanismo desenvolve ações de extensão

As ações de extensão estão ganhando cada vez mais espaço no curso de Arquitetura e Urbanismo da Católica. Exemplo disso é o Escritório Modelo. A cada semestre, o laboratório dedicado exclusivamente à prestação de serviço à comunidade desenvolve novos projetos. Desta vez, a equipe formada pelas alunas Larissa Laurentino e Amanda Alves, sob a coordenação da professora Clarissa Albuquerque, elaborou um projeto de “Casa Modelo” para o Instituto dos Cegos.

De acordo com a professora Clarissa, o Instituto tem uma residência que serve para hospedar médicos voluntários e também para o ensino da Prática Educativa da Vida Independente (Pevi), uma das disciplinas ministradas em cursos oferecidos pela instituição. “São atividades que ensinam como as pessoas cegas devem se portar em casa com autonomia, sem depender de ninguém”, esclarece.
A equipe da Católica elaborou um projeto para que o ambiente fosse melhor adequado às necessidades das pessoas cegas. Ainda segundo a professora Clarissa, o contato entre o curso e o Instituto dos Cegos foi intermediado pelo Instituto Humanitas Unicap (IHU). “Sempre atendemos demandas em parceria com o Humanitas, já fizemos projetos para salas do Liceu Nóbrega e até para o ateliê das Mães do Liceu”, complementou.
Ela também destacou a natureza comunitária desse tipo de iniciativa na área de Extensão. “Essa experiência foi muito especial porque engloba atividades com comunidades aliadas a outro tema especial e necessário que é a acessibilidade”.
print
Compartilhe:

Deixe um comentário