Católica apoia campanha Outubro Rosa

A iluminação de monumentos e alguns prédios da Católica ganharam uma nova cor em apoio ao Outubro Rosa, campanha nacional de combate e prevenção ao câncer de mama. As fachadas da Capela, Espaço Cultural Padre Tavares de Bragança (no estacionamento do bloco A) e a estátua dos estudantes de Abelardo da Hora, nos jardins da Biblioteca, ficarão iluminados com o tema da mobilização até o final deste mês.

Dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca) revelam que a doença atingirá 59.700 mulheres ainda este ano, número que poderá se repetir em 2019. Trata-se de uma incidência de 56,33 casos a cada 100 mil mulheres. No Nordeste, esse dado é de 40,36 para cada 100 mil mulheres. Obesidade, sedentarismo, exposição exagerada a Raio X, elementos das histórias reprodutiva e hormonal da paciente, além de aspectos genéticos e hereditários estão entre as causas.

Os sintomas que podem indicar câncer de mama são:  caroço (nódulo) fixo, endurecido e, geralmente, indolor; pele da mama avermelhada, retraída ou parecida com casca de laranja; alterações no bico do peito (mamilo); pequenos nódulos na região embaixo dos braços (axilas) ou no pescoço; saída espontânea de líquido dos mamilos.

Ainda segundo o Inca, cerca de 30% dos casos de câncer de mama podem ser evitados com a adoção de hábitos saudáveis como a prática de atividade física regular; alimentação saudável; equilíbrio do peso corporal; não-consumo de bebidas alcoólicas; e amamentação. Clique aqui e saiba mais sobre o câncer de mama.

print
Compartilhe:

Deixe um comentário