Capes, CNPq e Facepe abrem editais para financiamento de pesquisas sobre a covid-19

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), do Governo Federal, e a Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco (Facepe), do Governo de Pernambuco, lançaram editais para financiamento de pesquisa sobre o novo coronavírus (Covid-19).

A Capes disponibilizou R$ 70 milhões no financiamento de até 30 projetos de pesquisa com valor máximo de até R$ 345 mil. A agência ligada ao Ministério da Educação (MEC) planeja criar 900 bolsas de pesquisa nas modalidades de doutorado e pós-doutorado.

A Capes pretende apoiar o desenvolvimento de estudos inovadores sobre doenças infecciosas, seus agentes e vetores, visando prevenção, diagnóstico e estratégias terapêuticas, além do desenvolvimento de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) para profissionais de saúde e de tecnologias e mecanismos para monitoramento, mapeamento e controle de surtos, endemias, epidemias e pandemias.

Já o CNPq, agência do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), em parceria com o Ministério da Saúde destinou R$ 50 milhões para financiar pesquisas sobre novos métodos de diagnóstico, tratamento e interrupção da transmissão do coronavírus no país.

A iniciativa englobará ainda pesquisas relacionadas à história natural da doença; desenvolvimento e avaliação de testes, de alternativas terapêuticas e de vacinas contra à Covid-19; avaliação da atenção à saúde nos três níveis de complexidade frente à epidemia; uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) nas ações de prevenção, controle e manejo; adesão e cumprimento das medidas de prevenção e controle, entre outros temas relacionados à doença.

A Facepe, do Governo de Pernambuco, vai apoiar uma proposta de projeto de pesquisa de duração de 12 meses e deve apresentar valor máximo de R$ 50 mil a serem distribuídos em valores de custeio, capital, diárias e passagens. Esse edital não custeará bolsas.

O edital lançado pela Facepe é fruto da colaboração da fundação pernambucana com a iniciativa da ERA Coronavirus Platform no âmbito do Horizon 2020, cooperando com a chamada internacional Development of therapeutics and diagnostics combatting coronavirus infections (IMI2-2020-21-01). Seu objetivo em Pernambuco é apoiar um único projeto de pesquisa para identificar novos agentes terapêuticos ou sistemas de diagnóstico precoces, eficazes e confiáveis relacionados ao novo coronavírus (SAR-CoV-2).

Para saber mais sobre o edital da Capes clique aqui.

Para saber mais sobre o edital do CNPq clique aqui.

Para saber mais sobre o edital da Facepe clique aqui.

Com informações da Capes, CNPq e Facepe

print

Compartilhe:

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.